• Confraria Da Folia

Resgatar a memória do carnaval: você pode ajudar!

Projeto visa criar acervo para manter viva a história do carnaval de Porto Alegre.


Para compreendermos o presente e projetarmos o futuro, é indispensável conhecermos o nosso passado. E quando se fala no carnaval de Porto Alegre, essa ideia vem muito mais intensa. Nos últimos anos, um movimento surgido no Facebook vem trazendo ao público diversos registros sobre o carnaval de rua da capital, os desfiles de escolas de samba, grandes sociedades, blocos, festas, concursos de fantasia, escolhas de corte, ensaios.


Bicampeonato do Acadêmicos da Orgia, carnaval de 1972. Foto: Acervo Fotos Antigas do Carnaval de Porto Alegre

O grupo "Fotos Antigas do Carnaval de Porto Alegre" (clique AQUI para acessar) é ativo na rede social e tem como um dos moderadores o figurinista e carnavalesco Luiz Augusto Lacerda, o Gugu. Ele, em parceria com a historiadora Helena Cattani, decidiu investir nessa proposta de guardar a memória do carnaval. O que começou como uma simples forma de relembrar a folia de outros tempos, ganhou maior apuro de pesquisa, fazendo surgir assim o projeto para criação de um acervo virtual sobre o carnaval de Porto Alegre.


"O carnaval de Porto Alegre possui uma história muito rica. Dos históricos desfiles na Borges de Medeiros, passando por apresentações memoráveis na Perimetral e João Pessoa, até os desfiles modernos no Porto Seco, a cada ano dezenas de agremiações carnavalescas constroem, com enredos, fantasias e muito samba, cada página dessa história. E essa história não pode se perder com o tempo", conta Helena, que já fui jurada de Enredo no carnaval de Porto Alegre em 2013 e 2014.


Para organizar o material, a dupla tem garimpado as postagens do grupo do Facebook, mas também abriu espaço para que outras pessoas, mesmo de fora do grupo, pudessem participar desta construção. Qualquer material, e de qualquer período do carnaval, pode ser enviado para o acervo, que deverá ganhar uma página na internet para ser disponibilizado para consultas "Aquela foto de criança, em um desfile muito distante, seja na Borges de Medeiros, na João Pessoa ou até mesmo no Porto Seco", reforça Helena.


Para colaborar, basta enviar o material (foto, vídeo, croquis) para o e-mail historiacarnavalpoa@gmail.com e preencher as seguintes informações que tiver:


  • Ano de Desfile:

  • Local do Desfile:

  • Escola de Samba:

  • Nome daqueles que aparecem na foto (se aplicável):

  • Função dos mesmos no desfile (passistas, ritmistas, membros de alas, diretores de harmonia etc.):

  • Breve descrição da foto (até 140 caracteres):

  • Informações adicionais (posição da escola; fato curioso que a foto possa conter; etc)

  • Enviado por:

  • Telefone para contato:

  • Email para contato:


Fotografias, se possível, devem ser enviadas sem nenhuma alteração, sem marca d’água, assinaturas e afins.


ESCOLAS DE SAMBA ANO A ANO


Dentro deste trabalho de memória, o acervo também visa agregar a ficha técnica das escolas de samba ano a ano nos desfiles. Aqueles que tiverem as informações sobre as escolas e seus desfiles, podem entrar em contato pelo mesmo e-mail para colaborar. As informações que se buscam são:


  • Presidente

  • Intérprete

  • Enredo

  • 1º Casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira

  • 1ª Porta-Estandarte

  • 1º Casal de Passistas

  • Mestre de Bateria

  • Diretores de Bateria

  • Carnavalesco

  • Diretor de Carnaval

  • Diretor de Harmonia

  • Enredista

  • Rainha do Carnaval

  • Madrinha de Bateria


O projeto segue coletando material para o seu acervo, ainda sem previsão de ir ao ar. A gestão do projeto é de Helena Cattani e Luiz Augusto Lacerda. O CETE (Centro de Estudos e Pesquisa de Tema Enredo) também apoia o trabalho.